100 Degrees of Brazil

100 days project

DAY 34. Joyce Moysés

Joyce Moyses-look1-35_Foto - André Schiliró, Cabelo e maquiagem - MG Hair

 

Consultant, journalist, writer and speaker.

__________________ 

– english

About Joyce Moysés:

Joyce Moysés is a female behavior consultant, journalist, writer and speaker in the area of female leadership. She worked at Editora Abril (Abril Publisher) in the last 25 years, with two decades in the Cosmopolitan Brazil Magazine (Nova). She was also the Chief Editor of Claudia Magazine, the most important of Brazil, and wrote articles for various magazines, such as Alfa, Máxima and Você S/A.

She coordinated the Claudia Award 2012 and organized several forums on women’s issues. She launched the Claudia Brides magazine and was the chief editor of Claudia Baby.

In 2010, Joyce also coordinated the launch of the project HABLA Movement, which maps trends of female behavior.

Throughout her career as a journalist, she did several courses in management and leadership, as the Business Management by Insper-SP, and also in training of lecturers.

In 2011 she launched the book “MULHERES DE SUCESSO QUEREM PODER… Amar” (“SUCCESSFUL WOMEN WANT THE POWER … to love) “by Gente Publisher.

She is currently a consultant and content producer of the company Primeira Edição (“First Edition”), she is writing her second book, she makes guest appearances on TV shows, such as Todo Seu (on Rede Gazeta, a TV channel), she is a guest columnist of the blog Empreendedorismo Rosa (Rosa Entrepreneurship) and  conducts lectures focusing on women’s development throughout Brazil. She is also a partner in the project De Peito Aberto ( “With the Chest Open”), which tries to recover the self-esteem of women who have suffered breast cancer.

__________________ 

What is your impression about a brand called Brazil?

MY BRAZIL, BRAZILIAN(A)…

Yes, you read that right. If there is anyone in this country that currently determines the colors of watercolor (“aquarela”), who gives the rhythm of samba, that wins the game of rout …this is the Brazilian woman. So the “Brazil brand” has this feminine energy, with all its charm, warmth and a strength that comes from the uterus.

The researches keep coming, showing that the Brazilian woman studies more, she is more entrepreneurial, leads more, lives more and decides the majority of consumption. She represents 51% of the population and is a mother of the other party (did you ever think of that?). Cheerful, friendly, independent, but multitasking. She lives exhausted for wanting to play her various roles with perfection. This woman also postpones motherhood, working between 12 and 14 hours, she has more heart problems, she marries, separates, then she marries again because she believes in love, she practices less sex than it seems (for lack of time, energy or a creative partner).

The Brazilian woman is the protagonist of this country that lives a tide of optimism and development, driven mainly by the rise of the new middle class. In addition, the maximum figure in Brazil is a woman President (Presidenta – in Portuguese). Known for being a difficult person, but that has already shown emotion and cried in public. You may like Dilma Rousseff or not, but she brought to the stage of decisions other women, with the promise of multiplying actions that promote women’s health and protect them from violence and discrimination. Not everything is resolved, but there are attempts…

I mean, the power is with the Brazilian women, who spend more with beauty and fashion, but also with professional qualification (hers and her children); that went from housewife to house owner, taking in 35% of cases the post of head of the family; that supports their values, desires, sexual preferences, interests in life. They became independent, knotting the machismo of yore.

Vain, the Brazilian woman generally carries five lipsticks in her purse, not to pass grip, and makes the country a champion in aesthetic treatments. She is in doubt when asked if you she’d rather be fit or rich.

In this tropical Brazil, the body is more exposed. And don’t be fooled: 80% of Brazilian women were born with beautiful curly hair, although many insist on stretching it as guitar strings. And the “progressive brush” the invention made ​​in Brazil.

Brazilian woman in the first place! In the “Brazil Brand” do you know how men appear? Learning to wash the dishes, without breaking the crystal goblets of their beloved, to gain a little cuddle afterwards.

__________________ 

– português

Joyce Moysés é consultora de comportamento feminino, jornalista, escritora e palestrante na área de liderança feminina. Trabalhou na Editora Abril nos últimos 25 anos, sendo duas décadas na revista Cosmopolitan Brasil (Nova). Também foi editora-chefe da revista Claudia, a mais importante do Brasil, e escreveu artigos para diversas revistas, como Alfa, Máxima e Você S/A.

Coordenou o Prêmio Claudia 2012 e organizou vários fóruns sobre temas femininos. Lançou a revista Claudia Noivas e foi editora-chefe de Claudia Bebê.

Em 2010, também coordenou o lançamento do projeto Movimento HABLA, que mapeia tendências de comportamento feminino.

Ao longo da carreira de jornalista, fez vários cursos nas áreas de gestão e liderança, como o de Gestão de Negócios pela Insper-SP, e também de formação de palestrantes.

Lançou em 2011 o livro “MULHERES DE SUCESSO QUEREM PODER… Amar”, pela Editora Gente.

Atualmente é consultora e produtora de conteúdo da empresa Primeira Edição, escreve seu segundo livro, faz participações especiais em programas de TV, como Todo Seu (Rede Gazeta), é colunista convidada do blog Empreendedorismo Rosa e realiza palestras com foco em desenvolvimento feminino pelo Brasil. Também parceira do projeto De Peito Aberto, que procura resgatar a autoestima da mulher que sofreu um câncer de mama.

__________________ 

Qual é a sua impressão de uma marca chamada Brasil?

MEU BRASIL, BRASILEIRA…

Sim, você leu certo. Se tem alguém neste país que atualmente determina as cores da aquarela, dá o ritmo do samba, ganha o jogo de goleada… é a mulher brasileira. Então, a marca Brasil tem essa energia feminina, com todo o seu charme, acolhimento e uma força que vem do útero.

Não param de pipocar pesquisas mostrando que a brasileira estuda mais, empreende mais, lidera mais, vive mais, decide a maior parte do consumo. Representa 51% da população e é mãe da outra parte (já pensou nisso?). Alegre, simpática, independente, porém multitarefa. Vive exausta por querer desempenhar com perfeição seus vários papéis. Também adia a maternidade, trabalha entre 12 e 14 horas diárias, têm mais problemas do coração, casa-separa-recasa porque acredita no amor, transa menos do que parece (por falta de tempo, de energia ou de um parceiro criativo).

É a protagonista desse Brasil que vive uma maré de otimismo e desenvolvimento, impulsionado principalmente pela ascensão da nova classe média. Além disso, a figura máxima do país é uma presidenta. Conhecida por ser dura na queda, mas que também já se emocionou e chorou em público. Goste de Dilma Rousseff ou não, ela trouxe para o palco das decisões outras mulheres, com a promessa de multiplicar ações que promovam a saúde feminina e a protejam da violência e da discriminação. Nem tudo está resolvido, mas há tentativas…

Quer dizer, o poder está com a mulher brasileira, que gasta mais com beleza e moda, mas também com qualificação profissional (dela e da sua cria). Que passou de dona DE casa para dona DA casa, assumindo em 35% dos casos o posto de chefe da família. Que banca mais seus valores, vontades, preferências sexuais, interesses na vida. Tornou-se independente, ora, dando um nó no machismo de outrora.

Vaidosa, a brasileira carrega na bolsa geralmente cinco batons, para não passar aperto, e torna o país campeão de tratamentos estéticos. Ela fica na dúvida quando perguntam se prefere ser magra ou rica, mas pudera.

Nesse Brasil tropical, o corpo está mais exposto. E não se deixe enganar: 80% nasceram com o cabelo maravilhosamente cacheado, embora muitas teimem em esticá-lo como cordas de violão. Dá-lhe escova progressiva, invenção made in Brazil.

Mulher brasileira em primeiro lugar! Na marca Brasil, sabe como os homens aparecem? Aprendendo a lavar louça sem quebrar as taças de cristal da sua amada. Para ganhar um pouco de chamego depois.

One comment on “DAY 34. Joyce Moysés

  1. Maria Mathilde Pinheiro
    May 16, 2013

    Absolutamente correta !!! A mulher brasileira está participando ativamente das grandes decisões nos diversos segmentos, mas acredito que ainda temos muito o que avançar em alguns outros .Mas o importante é que estamos em movimento…estabelecendo conexões importantes para o desenvolvimento pessoal , familiar e do nosso querido BRASIL .Parabéns pela abordagem !

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on May 16, 2013 by in Brazilians and tagged , , , , , , , .

Top 10

%d bloggers like this: